Micaretando - O site da folia

Por favor, atualize seu Flash Plugin.

Get Adobe Flash player

Coluna de Adson brito do Velho

  • SARAJANE, A MÃE DO AXÉ MUSIC.

    Publicada em: Outubro - 2020

    Por: Adson brito do Velho

    SARAJANE, A MÃE DO AXÉ MUSIC.

       34 anos depois, a cantora e compositora baiana, Sarajane, continua “abrindo a rodinha”, para a alegria dos seus fãs.

       Explicando melhor, para os mais novinhos: em 1986, Sarajane estourou em todo o Brasil, com seu maior sucesso, “A Roda”, aquele que começa assim, “vamos abrir a roda, enlarguecer...”.

       Nascida em Salvador, em 1968, Sarajane começou aos 12 anos, cantando jingles e aos 14,  já era vocalista dos Tapajós.

       Ainda garota, aos 16 anos, conheceu Charinha, que abriu “a roda”, ops, “as portas” do seu “Cassino do Chacrinha” e a partir daí, Sarajane torna-se uma estrela nacional.

       Para delírio dos marmanjos, Sara posa nua, mostrando suas belas curvas, na revista Playboy.

       Conquistou discos de ouro e platina duplo e também desenvolveu trabalhos sociais na ONG A Casa Sarajane, mas acabou perdendo o espaço, que ofertava cursos gratuitos para jovens carentes de Salvador.

       No início de 2020, a cantora soteropolitana lançou seu EP “Liquidificação”, que contou com as presenças de Ivete Sangalo, Cláudia Leite, Margareth Menezes, Carlinhos Brown, dentre  outras estrelas.

       Na crista da onda, comemorou seu 40 anos de carreira artística, no Pelourinho, com participações de Adelmário Coelho, Gerônimo, Jorge Zarath, dentre outros.

       Participei da abertura do show, “A Mãe do Axé”, apresentando-me, com a minha peça teatral  “A Vingança do Padre”, que narra a história de um padre revoltado, que grava e joga as confissões dos fieis no YouTube!

       Levando em conta a energia e disposição de Sarajane, “a roda”, não fechará tão cedo.

     

VOLTAR